Parte 1




Parte 2


Parte 3



Parte 4

publicado por sattotal às 20:50 | link do post
Parte 1




Parte 2


Parte 3



Parte 4

publicado por sattotal às 20:50 | link do post
PARTE 1




PARTE 2



PARTE 3



PARTE 4

publicado por sattotal às 20:33 | link do post
PARTE 1




PARTE 2



PARTE 3



PARTE 4

publicado por sattotal às 20:33 | link do post
ESTOCOLMO, 10 dez 2010 (AFP) -Em um bairro elegante de Estocolmo, um morro coberto de neve com uma igreja no topo esconde um bunker antinuclear que abriga um centro de informática futurista, onde estão guardados 8 mil servidores, dois deles pertencentes ao site WikiLeaks.

"Tudo o que vai para o mundo é criado por essas duas pequenas caixas", explicou o dono e fundador da Banhof, Jon Karlung, mostrando as instalações feitas na rocha.

Na altura dos joelhos, arrumados em um armário de portas transparentes, dois finos cofres de plástico pretos cercados por cabos elétricos emitem luzes piscantes azuis, sinal de bom funcionamento.

Banhof é um das empresas que depois de outubro acolhem os servidores do WikiLeaks, site polêmico que publica documentos secretos e, desde o fim de novembro, notas diplomáticas americanas.

Em meio ao ronronar dos servidores e dos ventiladores encarregados de manter as temperaturas baixas, Karlund continua a visita do centro espetacular, mas que em sua opinião não tem nada de particular em seu funcionamento.

O cliente WikiLeaks, apesar de toda atenção que atrai, é tratado como os outros, garante.

Impossível, no entanto, ao penetrar neste santuário, não achar que se está em um cenário de filme de ficção científica ou de espionagem, onde o personagem principal é o enigmático Julian Assange, o homem que desafia sozinho, ou quase, as grandes potências internacionais, via WikiLeaks.

Assange está atualmente preso em Londres em virtude de um mandado de prisão internacional emitido pela Suécia que o procurava por um caso de estupro.

Para penetrar em Banhof, é preciso, primeiro, passar por uma porta automática em vidro que abre - com um código - em uma nuvem de vapor criada pelo encontro entre o ar gelado do exterior com o ar quente do interior.

Depois de descer uma rampa até o coração do dispositivo ainda protegido por uma segunda porta de segurança que também é aberta por um código, o visitante é atingido por um calor e uma umidade sufocantes.

Esse abrigo batizado de "pionen" (peônia) foi construído no bairro de S¶dermalm em meados dos anos 1940 e depois transformado em abrigo antinuclear em plena Guerra Fria.

Após ter servido de sala de exposição, o local foi adquirido há alguns anos pela Banhof, que implantou ali seu quinto centro de armazenagem de dados de informática.

"Estamos muito bem protegidos contra ataques físicos, mas não é isso que nos preocupa. A ameaça real pode ser jurídica e mais provavelmente ainda os ciberataques", destacou Karlund.

Em um escritório ao lado da sala dos servidores, o tráfego WikiLeaks é mostrado em tempo real em uma tela.

"Até agora, não recebemos nenhum ataque direto. Nós observamos efeitos ligados a outros ataques, mas nenhum visando nossa instalação ou os serviços relacionados", explicou, lembrando que o WikiLeaks não deixou "todos os ovos no mesmo cesto" e que o site tem outros servidores espalhados pelo mundo.

Sob a condição de não infringir a lei sueca, clientes como o WikiLeaks podem armazenar seus servidores com a Banhof.

"Eles devem pagar suas contas e o conteúdo deve ser legal na Suécia", explicou Karlund.

Perguntar a ele o que seus clientes divulgam via os servidores da Banhof é como "perguntar ao carteiro se ele abre as correspondências".

publicado por sattotal às 16:52 | link do post
tags:
ESTOCOLMO, 10 dez 2010 (AFP) -Em um bairro elegante de Estocolmo, um morro coberto de neve com uma igreja no topo esconde um bunker antinuclear que abriga um centro de informática futurista, onde estão guardados 8 mil servidores, dois deles pertencentes ao site WikiLeaks.

"Tudo o que vai para o mundo é criado por essas duas pequenas caixas", explicou o dono e fundador da Banhof, Jon Karlung, mostrando as instalações feitas na rocha.

Na altura dos joelhos, arrumados em um armário de portas transparentes, dois finos cofres de plástico pretos cercados por cabos elétricos emitem luzes piscantes azuis, sinal de bom funcionamento.

Banhof é um das empresas que depois de outubro acolhem os servidores do WikiLeaks, site polêmico que publica documentos secretos e, desde o fim de novembro, notas diplomáticas americanas.

Em meio ao ronronar dos servidores e dos ventiladores encarregados de manter as temperaturas baixas, Karlund continua a visita do centro espetacular, mas que em sua opinião não tem nada de particular em seu funcionamento.

O cliente WikiLeaks, apesar de toda atenção que atrai, é tratado como os outros, garante.

Impossível, no entanto, ao penetrar neste santuário, não achar que se está em um cenário de filme de ficção científica ou de espionagem, onde o personagem principal é o enigmático Julian Assange, o homem que desafia sozinho, ou quase, as grandes potências internacionais, via WikiLeaks.

Assange está atualmente preso em Londres em virtude de um mandado de prisão internacional emitido pela Suécia que o procurava por um caso de estupro.

Para penetrar em Banhof, é preciso, primeiro, passar por uma porta automática em vidro que abre - com um código - em uma nuvem de vapor criada pelo encontro entre o ar gelado do exterior com o ar quente do interior.

Depois de descer uma rampa até o coração do dispositivo ainda protegido por uma segunda porta de segurança que também é aberta por um código, o visitante é atingido por um calor e uma umidade sufocantes.

Esse abrigo batizado de "pionen" (peônia) foi construído no bairro de S¶dermalm em meados dos anos 1940 e depois transformado em abrigo antinuclear em plena Guerra Fria.

Após ter servido de sala de exposição, o local foi adquirido há alguns anos pela Banhof, que implantou ali seu quinto centro de armazenagem de dados de informática.

"Estamos muito bem protegidos contra ataques físicos, mas não é isso que nos preocupa. A ameaça real pode ser jurídica e mais provavelmente ainda os ciberataques", destacou Karlund.

Em um escritório ao lado da sala dos servidores, o tráfego WikiLeaks é mostrado em tempo real em uma tela.

"Até agora, não recebemos nenhum ataque direto. Nós observamos efeitos ligados a outros ataques, mas nenhum visando nossa instalação ou os serviços relacionados", explicou, lembrando que o WikiLeaks não deixou "todos os ovos no mesmo cesto" e que o site tem outros servidores espalhados pelo mundo.

Sob a condição de não infringir a lei sueca, clientes como o WikiLeaks podem armazenar seus servidores com a Banhof.

"Eles devem pagar suas contas e o conteúdo deve ser legal na Suécia", explicou Karlund.

Perguntar a ele o que seus clientes divulgam via os servidores da Banhof é como "perguntar ao carteiro se ele abre as correspondências".

publicado por sattotal às 16:52 | link do post
tags:
Imagem - Internet
A canção "Tik Tok", hit da cantora Ke$ha, abocanhou a primeira posição no ranking das músicas do ano da revista Billboard.

De acordo com a publicação, o primeiro single da cantora ficou por nove semanas no topo do "Billboard Hot 100", principal chart dos EUA, um feito inédito entre as mulheres na história do ranking.

Ke$ha ainda foi eleita pela revista a melhor artista revelação de 2010 e a quinta artista mais popular do ano. A primeira posição na lista dos populares ficou com Lady Gaga, seguida por Taylor Swift, Eminem e Lady Antebellum.


Se não conseguir visualizar o vídeo siga este link no YOUTUBE

Veja as letras das 53 Músicas de Ke$ha
publicado por sattotal às 14:40 | link do post
Imagem - Internet
A canção "Tik Tok", hit da cantora Ke$ha, abocanhou a primeira posição no ranking das músicas do ano da revista Billboard.

De acordo com a publicação, o primeiro single da cantora ficou por nove semanas no topo do "Billboard Hot 100", principal chart dos EUA, um feito inédito entre as mulheres na história do ranking.

Ke$ha ainda foi eleita pela revista a melhor artista revelação de 2010 e a quinta artista mais popular do ano. A primeira posição na lista dos populares ficou com Lady Gaga, seguida por Taylor Swift, Eminem e Lady Antebellum.


Se não conseguir visualizar o vídeo siga este link no YOUTUBE

Veja as letras das 53 Músicas de Ke$ha
publicado por sattotal às 14:40 | link do post
Software não realiza falsificação de endereço, apontam especialistas. Porta-voz de grupo 'Anônimo' revelou sua identidade em arquivo PDF

Especialistas analisaram o programa LOIC, o “Canhão de íons de órbita baixa”, usado pelos integrantes do grupo “Anonymous” para realizar os ataques em defesa do Wikileaks, e concluíram que o software revela informações sobre seu utilizador, permitindo que autoridades competentes facilmente identifiquem aqueles que estão participando dos ataques.

O LOIC não realiza nenhum tipo de falsificação de origem dos dados. Os próprios manuais de instrução dos Anonymous dizem que não é possível usar ferramentas para esconder seu endereço, método conhecido como "proxy". “Seria como atirar com uma bazuca em direção ao seu vizinho, mas atrás do seu muro. Você só vai destruir seu próprio muro”, explica um texto sobre o software.

Tela do 'canhão de íons de órbita baixa', usado para atacar sites pelo grupo 'Anonymous'. (Foto: Reprodução)

Os pesquisadores da Universidade de Twente, na Holanda, alertam que, sem o uso de uma rede capaz de tornar o tráfego anônimo, usuários do LOIC podem ser facilmente identificados

Um desenvolvedor que se identifica como “Praetox Technologies” foi o idealizador do LOIC. O programa foi criado para realizar testes de carga para verificar a resistência de sites web. Ele recebeu adaptações dos Anonymous para ser usado nos ataques. Por isso, não inclui nenhum tipo de falsificação para proteger seus usuários.

Dois membros do “Anonymous”, um de 16 e outro de 19 anos, foram presos na Holanda acusados de participação nos ataques. O primeiro foi preso por ser um dos responsável pela manutenção dos canais de comunicação do "Anonymous"; o outro, por fazer parte do ataque que derrubou o site da promotoria que fez a primeira prisão.

Descuidos

Além de a ferramenta usada para realizar os ataques não ser adequada para o “anonimato” desejado, alguns anônimos também não tomam cuidados com sua identidade. Um documento PDF criado como “nota à imprensa” pelos Anonymous trouxe em seus metadados o nome do autor, Alex Tapanaris. Essa informação é normalmente adicionada por editores de texto, caso o usuário não tome o cuidado de apagá-la.

Outros internautas que participam do movimento conectam aos canais de bate-papo usando clientes web que revelam o endereço IP completo e real do usuário para todos os demais membros da sala. Como comparação, um bate-papo no Live Messenger normalmente só revela o IP do participante quando ele realiza certas atividades, como conversa multimídia ou envio de arquivos.

Membros do Anonymous disseram, ainda antes das prisões, ao G1 que estavam cientes dos riscos. “Se alguém for preso não será a primeira vez”, observou um deles. A “defesa” dos participantes seria o seu grande número e a improbabilidade de todos eles serem perseguidos pela polícia.

O documento de perguntas frequentes (FAQ) sobre o LOIC afirma que “as chances de você ser preso são quase zero” e que, no caso de problemas, o anônimo deve “dizer que foi infectado por um vírus ou negar ter conhecimento do software”.

publicado por sattotal às 13:01 | link do post
Software não realiza falsificação de endereço, apontam especialistas. Porta-voz de grupo 'Anônimo' revelou sua identidade em arquivo PDF

Especialistas analisaram o programa LOIC, o “Canhão de íons de órbita baixa”, usado pelos integrantes do grupo “Anonymous” para realizar os ataques em defesa do Wikileaks, e concluíram que o software revela informações sobre seu utilizador, permitindo que autoridades competentes facilmente identifiquem aqueles que estão participando dos ataques.

O LOIC não realiza nenhum tipo de falsificação de origem dos dados. Os próprios manuais de instrução dos Anonymous dizem que não é possível usar ferramentas para esconder seu endereço, método conhecido como "proxy". “Seria como atirar com uma bazuca em direção ao seu vizinho, mas atrás do seu muro. Você só vai destruir seu próprio muro”, explica um texto sobre o software.

Tela do 'canhão de íons de órbita baixa', usado para atacar sites pelo grupo 'Anonymous'. (Foto: Reprodução)

Os pesquisadores da Universidade de Twente, na Holanda, alertam que, sem o uso de uma rede capaz de tornar o tráfego anônimo, usuários do LOIC podem ser facilmente identificados

Um desenvolvedor que se identifica como “Praetox Technologies” foi o idealizador do LOIC. O programa foi criado para realizar testes de carga para verificar a resistência de sites web. Ele recebeu adaptações dos Anonymous para ser usado nos ataques. Por isso, não inclui nenhum tipo de falsificação para proteger seus usuários.

Dois membros do “Anonymous”, um de 16 e outro de 19 anos, foram presos na Holanda acusados de participação nos ataques. O primeiro foi preso por ser um dos responsável pela manutenção dos canais de comunicação do "Anonymous"; o outro, por fazer parte do ataque que derrubou o site da promotoria que fez a primeira prisão.

Descuidos

Além de a ferramenta usada para realizar os ataques não ser adequada para o “anonimato” desejado, alguns anônimos também não tomam cuidados com sua identidade. Um documento PDF criado como “nota à imprensa” pelos Anonymous trouxe em seus metadados o nome do autor, Alex Tapanaris. Essa informação é normalmente adicionada por editores de texto, caso o usuário não tome o cuidado de apagá-la.

Outros internautas que participam do movimento conectam aos canais de bate-papo usando clientes web que revelam o endereço IP completo e real do usuário para todos os demais membros da sala. Como comparação, um bate-papo no Live Messenger normalmente só revela o IP do participante quando ele realiza certas atividades, como conversa multimídia ou envio de arquivos.

Membros do Anonymous disseram, ainda antes das prisões, ao G1 que estavam cientes dos riscos. “Se alguém for preso não será a primeira vez”, observou um deles. A “defesa” dos participantes seria o seu grande número e a improbabilidade de todos eles serem perseguidos pela polícia.

O documento de perguntas frequentes (FAQ) sobre o LOIC afirma que “as chances de você ser preso são quase zero” e que, no caso de problemas, o anônimo deve “dizer que foi infectado por um vírus ou negar ter conhecimento do software”.

publicado por sattotal às 13:01 | link do post
publicado por sattotal às 12:42 | link do post
publicado por sattotal às 12:42 | link do post
A Rússia prevê lançar, em 2020, para o Espaço um satélite que terá por missão destruir o lixo que orbita em torno da Terra.

Imagem produzida pela Nasa que dá uma perspetiva do número de satélites artificiais em torno da Terra

E tudo indica que o novo satélite terá uma longa jornada de trabalho pela frente: o primeiro satélite artificial seguiu para o espaço em 1957. Chamava-se Sputnik 1 e constituiu a primeira vitória da extinta URSS na conquista do espaço, durante a guerra fria.

Hoje, tanto na Terra como no Espaço, a realidade é diferente: o cenário de guerra fria dominado por duas grandes potências mundiais deu lugar a uma concorrência entre vários países que lançaram, durante as últimas cinco décadas, vários satélites, vaivéns ou outras categorias de embarcações espaciais. Resultado: muitos desses veículos espaciais - ou apenas componentes - pairam agora em torno da Terra poluindo a órbita sem qualquer uso ou funcionalidade.

De acordo com a Nasa, desde 1964 até à atualidade registou-se um aumento anual de 200 objetos criados pelo homem em torno da Terra.

As autoridades russas querem eliminar todo esse lixo do espaço com uma nave que provoca a alteração da órbita das máquinas, e desencadeia a queda e, posteriormente, a destruição das mesmas.

Segundo o El Pais, a nave deverá ter uma vida útil de 15 anos. O projeto está orçado em dois mil milhões de dólares (pouco mais de 1,5 mil milhões de euros).

***Este texto foi escrito ao abrigo do novo acordo ortográfico***
publicado por sattotal às 12:34 | link do post
A Rússia prevê lançar, em 2020, para o Espaço um satélite que terá por missão destruir o lixo que orbita em torno da Terra.

Imagem produzida pela Nasa que dá uma perspetiva do número de satélites artificiais em torno da Terra

E tudo indica que o novo satélite terá uma longa jornada de trabalho pela frente: o primeiro satélite artificial seguiu para o espaço em 1957. Chamava-se Sputnik 1 e constituiu a primeira vitória da extinta URSS na conquista do espaço, durante a guerra fria.

Hoje, tanto na Terra como no Espaço, a realidade é diferente: o cenário de guerra fria dominado por duas grandes potências mundiais deu lugar a uma concorrência entre vários países que lançaram, durante as últimas cinco décadas, vários satélites, vaivéns ou outras categorias de embarcações espaciais. Resultado: muitos desses veículos espaciais - ou apenas componentes - pairam agora em torno da Terra poluindo a órbita sem qualquer uso ou funcionalidade.

De acordo com a Nasa, desde 1964 até à atualidade registou-se um aumento anual de 200 objetos criados pelo homem em torno da Terra.

As autoridades russas querem eliminar todo esse lixo do espaço com uma nave que provoca a alteração da órbita das máquinas, e desencadeia a queda e, posteriormente, a destruição das mesmas.

Segundo o El Pais, a nave deverá ter uma vida útil de 15 anos. O projeto está orçado em dois mil milhões de dólares (pouco mais de 1,5 mil milhões de euros).

***Este texto foi escrito ao abrigo do novo acordo ortográfico***
publicado por sattotal às 12:34 | link do post
 A 20 de Dezembro será lançado o Ka-Sat. Ambos satélites querem dar banda larga onde não há. A guerra de satélites vai começar.

Hylas 1 e Ka-Sat foram fabricados pela companhia EADS Astrium de Toulouse. Os dois satélites vão pôr frente a frente Eutelsat e Avanti Communications, duas operadoras que estão apostadas em fazer dinheiro com os denominados "buracos negros" das redes fixas que distribuem acesso à Net na Europa.

Os menos atentos podem achar que os espaços rurais e menos populosos são pouco atrativos do ponto de vista de comercial, mas a verdade é que a Eutelsat não quis perder a oportunidade de anunciar o lançamento do seu Ka-Sat no mesmo dia em que o Hylas 1 da Avanti vai para o espaço. O que é um sinal de que as "sobras" deixadas pelas redes fixas europeias não são assim tão pequenas.

Um número fornecido pela Eutelsat é elucidativo do volume de negócios que está em disputa: o lançamento do Ka-Sat tem em vista fornecer Internet a um mercado com um total de 15 milhões de lares na Europa.

De resto, os dois satélites não diferem muito: O Hylas 1 é o primeiro a partir rumo ao espaço, com a promessa de disponibilizar acessos à Net com velocidades máximas de 8 Mbps; o Ka-Sat vai para o espaço em 20 de Dezembro e promete uma largura de banda máxima de 10 Mbps.

O Hylas 1 foi lançado na Guiana Francesa (26-11-2010); o Ka-Sat parte do Cazaquistão.

Os dois satélites são geo-estacionários (acompanham a rotação da Terra, para poderem cobrir um espaço predefinido) sendo que o da Avanti vai "fixar-se" nos 33,5º Oeste, enquanto o da Eutelsat vai posicionar-se nos 9º Leste.

Ambos satélites distinguem-se por recorrer tecnologias que permitem adaptar, de forma automatizada, a capacidade das comunicações às necessidades de cada região ou grupo de clientes.

Os primeiros serviços comerciais só devem estrear durante 2011.

Em comunicado, a Avanti informa que pretende disponibilizar acessos à Net em Portugal (não são indicados preços).

Segundo sabe a Exame Informática, a Eutelsat está a negociar com dois operadores portugueses as condições de revenda do serviço. O tarifário, que juntaIPTV e telefone à Net, deverá ter um custo de 30 euros na modalidade mais barata.

publicado por sattotal às 12:25 | link do post
tags:
 A 20 de Dezembro será lançado o Ka-Sat. Ambos satélites querem dar banda larga onde não há. A guerra de satélites vai começar.

Hylas 1 e Ka-Sat foram fabricados pela companhia EADS Astrium de Toulouse. Os dois satélites vão pôr frente a frente Eutelsat e Avanti Communications, duas operadoras que estão apostadas em fazer dinheiro com os denominados "buracos negros" das redes fixas que distribuem acesso à Net na Europa.

Os menos atentos podem achar que os espaços rurais e menos populosos são pouco atrativos do ponto de vista de comercial, mas a verdade é que a Eutelsat não quis perder a oportunidade de anunciar o lançamento do seu Ka-Sat no mesmo dia em que o Hylas 1 da Avanti vai para o espaço. O que é um sinal de que as "sobras" deixadas pelas redes fixas europeias não são assim tão pequenas.

Um número fornecido pela Eutelsat é elucidativo do volume de negócios que está em disputa: o lançamento do Ka-Sat tem em vista fornecer Internet a um mercado com um total de 15 milhões de lares na Europa.

De resto, os dois satélites não diferem muito: O Hylas 1 é o primeiro a partir rumo ao espaço, com a promessa de disponibilizar acessos à Net com velocidades máximas de 8 Mbps; o Ka-Sat vai para o espaço em 20 de Dezembro e promete uma largura de banda máxima de 10 Mbps.

O Hylas 1 foi lançado na Guiana Francesa (26-11-2010); o Ka-Sat parte do Cazaquistão.

Os dois satélites são geo-estacionários (acompanham a rotação da Terra, para poderem cobrir um espaço predefinido) sendo que o da Avanti vai "fixar-se" nos 33,5º Oeste, enquanto o da Eutelsat vai posicionar-se nos 9º Leste.

Ambos satélites distinguem-se por recorrer tecnologias que permitem adaptar, de forma automatizada, a capacidade das comunicações às necessidades de cada região ou grupo de clientes.

Os primeiros serviços comerciais só devem estrear durante 2011.

Em comunicado, a Avanti informa que pretende disponibilizar acessos à Net em Portugal (não são indicados preços).

Segundo sabe a Exame Informática, a Eutelsat está a negociar com dois operadores portugueses as condições de revenda do serviço. O tarifário, que juntaIPTV e telefone à Net, deverá ter um custo de 30 euros na modalidade mais barata.

publicado por sattotal às 12:25 | link do post
tags:
O sistema russo de posicionamento por satélite Glonass deverá estar totalmente operacional em Março de 2011, baseando-se para tal numa constelação de 24 satélites, adiantou o director da agência espacial russa Roscosmos, Anatoly Perminov, à agência Interfax-AVN. 24 é precisamente o número mínimo de satélites necessários para garantir uma cobertura global a este concorrente dos sistemas norte-americano GPS (já existente) e europeu Galileo (ainda em construção). Anatoly Perminov relembrou na entrevista concedida que, nesta altura, existem 20 Glonass-M operacionais, além dos dois de reserva, os quais estão agora a ser activados no seguimento do acidente do passado domingo com o foguetão Proton.

Está também a ser acelerada a introdução do satélite Glonass-K de nova geração (lançado até o final deste mês) e do Glonass-M 42 (colocado em órbita provavelmente em Março do próximo ano), permitindo assim que o Glonass proporcione uma cobertura total no final do primeiro trimestre 2011

publicado por sattotal às 12:06 | link do post
tags:
O sistema russo de posicionamento por satélite Glonass deverá estar totalmente operacional em Março de 2011, baseando-se para tal numa constelação de 24 satélites, adiantou o director da agência espacial russa Roscosmos, Anatoly Perminov, à agência Interfax-AVN. 24 é precisamente o número mínimo de satélites necessários para garantir uma cobertura global a este concorrente dos sistemas norte-americano GPS (já existente) e europeu Galileo (ainda em construção). Anatoly Perminov relembrou na entrevista concedida que, nesta altura, existem 20 Glonass-M operacionais, além dos dois de reserva, os quais estão agora a ser activados no seguimento do acidente do passado domingo com o foguetão Proton.

Está também a ser acelerada a introdução do satélite Glonass-K de nova geração (lançado até o final deste mês) e do Glonass-M 42 (colocado em órbita provavelmente em Março do próximo ano), permitindo assim que o Glonass proporcione uma cobertura total no final do primeiro trimestre 2011

publicado por sattotal às 12:06 | link do post
tags:
Está confirmada para o próximo dia 15 de Dezembro às 19h09 hora de Lisboa o envio de mais tripulantes para a Estação Espacial Internacional (E.E.I.).

Um dos três novos “residentes” é o astronauta da Agência Espacial Internacional (E.S.A.) Paolo Nespoli, que irá participar na terceira missão europeia de longa duração a bordo da E.E.I, denominada MagISStra.

Entre as várias tarefas previstas ao longo dos seis meses passados a bordo, este astronauta terá que garantir a recepção do segundo veículo abastecedor europeu (ATV), previsto para Fevereiro de 2011, e garantir as capacidades de pesquisa do laboratório europeu Columbus efectuando um grande número de experiências científicas.

publicado por sattotal às 11:51 | link do post
tags:
Está confirmada para o próximo dia 15 de Dezembro às 19h09 hora de Lisboa o envio de mais tripulantes para a Estação Espacial Internacional (E.E.I.).

Um dos três novos “residentes” é o astronauta da Agência Espacial Internacional (E.S.A.) Paolo Nespoli, que irá participar na terceira missão europeia de longa duração a bordo da E.E.I, denominada MagISStra.

Entre as várias tarefas previstas ao longo dos seis meses passados a bordo, este astronauta terá que garantir a recepção do segundo veículo abastecedor europeu (ATV), previsto para Fevereiro de 2011, e garantir as capacidades de pesquisa do laboratório europeu Columbus efectuando um grande número de experiências científicas.

publicado por sattotal às 11:51 | link do post
tags:
A banda Soudtrackers conta como foi a formação da banda e canta alguns sucessos.

</embed>
publicado por sattotal às 11:40 | link do post
A banda Soudtrackers conta como foi a formação da banda e canta alguns sucessos.

</embed>
publicado por sattotal às 11:40 | link do post
O Entrevista Record Mundo fala neste programa sobre uma das principais potências mundiais de décadas passadas, a Rússia. Com a queda do regime socialista, a Rússia se abriu para o mundo e enfrenta problemas com a crise econômica de 2008.

publicado por sattotal às 11:30 | link do post
O Entrevista Record Mundo fala neste programa sobre uma das principais potências mundiais de décadas passadas, a Rússia. Com a queda do regime socialista, a Rússia se abriu para o mundo e enfrenta problemas com a crise econômica de 2008.

publicado por sattotal às 11:30 | link do post
No Entrevista Record Música desta sexta-feira (10) a cantora Roberta Miranda foi recebida por Marco Camargo, Assista!

publicado por sattotal às 11:26 | link do post
No Entrevista Record Música desta sexta-feira (10) a cantora Roberta Miranda foi recebida por Marco Camargo, Assista!

publicado por sattotal às 11:26 | link do post
Marco Camargo recebe o ícone popular na música brasileira, o cantor Reginaldo Rossi.

publicado por sattotal às 11:24 | link do post
Marco Camargo recebe o ícone popular na música brasileira, o cantor Reginaldo Rossi.

publicado por sattotal às 11:24 | link do post
Na primeira entrevista após ser eleito deputado federal, Francisco Everardo Oliveira Silva, o Tiririca, responde se sabe ou não ler e escrever e disse que, como levou a campanha eleitoral na brincadeira e não fez nenhuma proposta concreta, não imaginava que receberia mais de 1,3 milhões de votos. Tiririca falou que está chegando à Câmara para descobrir ao certo o que poderá fazer como deputado federal. Assista!

publicado por sattotal às 11:00 | link do post
Na primeira entrevista após ser eleito deputado federal, Francisco Everardo Oliveira Silva, o Tiririca, responde se sabe ou não ler e escrever e disse que, como levou a campanha eleitoral na brincadeira e não fez nenhuma proposta concreta, não imaginava que receberia mais de 1,3 milhões de votos. Tiririca falou que está chegando à Câmara para descobrir ao certo o que poderá fazer como deputado federal. Assista!

publicado por sattotal às 11:00 | link do post
Veja o drama de quem vive em Irauçuba, no sertão do Ceará, onde as pessoas estão ficando sem água para beber. As terras lembram o deserto e, nos últimos tempos, a vegetação sumiu, parte da população foi embora e até o córrego secou. Na cidade, um dos lugares mais secos do Brasil, não chove há quase um ano.

publicado por sattotal às 10:56 | link do post
Veja o drama de quem vive em Irauçuba, no sertão do Ceará, onde as pessoas estão ficando sem água para beber. As terras lembram o deserto e, nos últimos tempos, a vegetação sumiu, parte da população foi embora e até o córrego secou. Na cidade, um dos lugares mais secos do Brasil, não chove há quase um ano.

publicado por sattotal às 10:56 | link do post
No programa desta semana, Andressa Soares fez vários testes com seu bumbum. No capítulo de Os Mutontos, o suspense sobre a morte de Dona Perva continua e no Vale a Pena Ver Direito, Marcos Mion mostra os detalhes mais engraçados de A Fazenda


Assista a versão completa do Vale A Pena Ver Direito deste sábado (11)

Marcos Mion e Mionzinho comentam várias cenas de A Fazenda. Veja o quadro completo!


Marcos Mion faz testes com bumbum de Melancia

Neste sábado (11), Andressa Soares participou do programa Legendários e fez vários testes para saber o poder do seu bumbum. Veja !

publicado por sattotal às 10:49 | link do post
No programa desta semana, Andressa Soares fez vários testes com seu bumbum. No capítulo de Os Mutontos, o suspense sobre a morte de Dona Perva continua e no Vale a Pena Ver Direito, Marcos Mion mostra os detalhes mais engraçados de A Fazenda


Assista a versão completa do Vale A Pena Ver Direito deste sábado (11)

Marcos Mion e Mionzinho comentam várias cenas de A Fazenda. Veja o quadro completo!


Marcos Mion faz testes com bumbum de Melancia

Neste sábado (11), Andressa Soares participou do programa Legendários e fez vários testes para saber o poder do seu bumbum. Veja !

publicado por sattotal às 10:49 | link do post
Neste sábado (11), João Gordo recebeu no programa a apresentadora do Hoje em Dia, Mariana Leão, e o Super Maluco com suas atrações bizarras. Veja!

publicado por sattotal às 10:41 | link do post
tags: ,
Neste sábado (11), João Gordo recebeu no programa a apresentadora do Hoje em Dia, Mariana Leão, e o Super Maluco com suas atrações bizarras. Veja!

publicado por sattotal às 10:41 | link do post
tags: ,
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Dezembro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
13
17
20
22
24
25
27
30
comentários recentes
Olá robo
MUSA, DIVA, SEREIA LINDA E DELICIOSA QUE AMAREI ET...
ANA HICKMANN A SEREIA MAIS LINDA E DELICIOSA DO MU...
MUSA, DIVA, SEREIA LINDA E DELICIOSA QUE AMAREI ET...
Sereia linda e deliciosa Ana Hickmann, te amo
Deusa linda que amo demais Ana Hickmann
Te amarei enternamente Ana Hickmann
Diva, musa, sereia linda Ana Hickmann, te amo dema...
Está fixe :-)
Faltou indicar os créditos desse artigo. A fonte o...
subscrever feeds
SAPO Blogs