Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

LIVE TV

LIVE TV

Faça o seu mundo em 3D

Agosto 30, 2011

sattotal

Google desafia os cibernautas a fazer maquetes a três dimensões das suas próprias cidades

 A ferramenta,
href=http://sketchup.google.com/yourworldin3d/index.html target=_blank>Your World in 3D (O seu mundo em 3D) permite-lhe usar blocos virtuais, semelhantes às peças de lego com que brincava na infância, em cima do mapa real da cidade, para criar a maquete.

O utilizador pode assim escolher um edifício, fazer o modelo através de fotografias, e enviá-lo à Google, que revê o projecto, para garantir que está de acordo com a realidade, antes de o colocar online.

Se quer ver um exemplo do resultado final, espreite o uso que a Google fez desta ferramenta na cidade italiana de Áquila, devastada por um terramoto.

Faça o seu mundo em 3D

Agosto 30, 2011

sattotal

Google desafia os cibernautas a fazer maquetes a três dimensões das suas próprias cidades

 A ferramenta,
href=http://sketchup.google.com/yourworldin3d/index.html target=_blank>Your World in 3D (O seu mundo em 3D) permite-lhe usar blocos virtuais, semelhantes às peças de lego com que brincava na infância, em cima do mapa real da cidade, para criar a maquete.

O utilizador pode assim escolher um edifício, fazer o modelo através de fotografias, e enviá-lo à Google, que revê o projecto, para garantir que está de acordo com a realidade, antes de o colocar online.

Se quer ver um exemplo do resultado final, espreite o uso que a Google fez desta ferramenta na cidade italiana de Áquila, devastada por um terramoto.

Israel autoriza Google Street View a fotografar as ruas

Agosto 30, 2011

sattotal

O Ministério da Justiça de Israel deu autorização ao Google Street View, para cartografar as ruas, apesar das críticas relacionadas à privacidade e aos riscos de segurança que pode trazer ao país, avança a agência «France Press».

A Google esteve meses à espera da autorização, mas as autoridades israelitas temiam que as imagens dos prédios em 3D fossem utilizadas para atentados. A Autoridade Israelita de Direito, Informação e Tecnologia (ILITA), organismo que regula a protecção de dados, autorizou agora o Street View a recolher imagens panorâmicas das ruas de Israel.

A ILITA exigiu que os carros do Google, que possuem câmaras especiais para fotografar, sejam claramente identificados e que seus trajectos sejam anunciados com antecedência.

As imagens panorâmicas serão enviadas para os Estados Unidos onde os rostos e as placas serão distorcidos para respeitar a privacidade.

Lançado em maio de 2007, o Google Street View fornece imagens panorâmicas em 3D de áreas urbanas e permite que os utilizadores façam um passeio virtual, o que gerou uma série de polémicas em muitos países.

Israel autoriza Google Street View a fotografar as ruas

Agosto 30, 2011

sattotal

O Ministério da Justiça de Israel deu autorização ao Google Street View, para cartografar as ruas, apesar das críticas relacionadas à privacidade e aos riscos de segurança que pode trazer ao país, avança a agência «France Press».

A Google esteve meses à espera da autorização, mas as autoridades israelitas temiam que as imagens dos prédios em 3D fossem utilizadas para atentados. A Autoridade Israelita de Direito, Informação e Tecnologia (ILITA), organismo que regula a protecção de dados, autorizou agora o Street View a recolher imagens panorâmicas das ruas de Israel.

A ILITA exigiu que os carros do Google, que possuem câmaras especiais para fotografar, sejam claramente identificados e que seus trajectos sejam anunciados com antecedência.

As imagens panorâmicas serão enviadas para os Estados Unidos onde os rostos e as placas serão distorcidos para respeitar a privacidade.

Lançado em maio de 2007, o Google Street View fornece imagens panorâmicas em 3D de áreas urbanas e permite que os utilizadores façam um passeio virtual, o que gerou uma série de polémicas em muitos países.

Homem substituiu o olho por uma câmara de filmar

Agosto 30, 2011

sattotal


O cineasta canadiano Rob Spence, que perdeu um olho num acidente quando era criança, colocou uma prótese com uma câmara de filmar wireless para gravar um documentário.

Através do seu projecto chamado EyeBorg, Rob Spence conseguiu patrocínios de centros académicos de pesquisa em tecnologia e de empresas que desenvolvem equipamentos microscópicos para desenvolver a prótese. O dipositivo não está ligado ao cérebro de Rob Spence, por isso, não lhe restituiu a visão, mas a câmara capta exactamente o que Rob Spence vê com o outro olho e envia os dados através de um dispositivo wi-fi incorporado, tudo isto num aparelho do tamanho de um olho normal.


Homem substituiu o olho por uma câmara de filmar

Agosto 30, 2011

sattotal


O cineasta canadiano Rob Spence, que perdeu um olho num acidente quando era criança, colocou uma prótese com uma câmara de filmar wireless para gravar um documentário.

Através do seu projecto chamado EyeBorg, Rob Spence conseguiu patrocínios de centros académicos de pesquisa em tecnologia e de empresas que desenvolvem equipamentos microscópicos para desenvolver a prótese. O dipositivo não está ligado ao cérebro de Rob Spence, por isso, não lhe restituiu a visão, mas a câmara capta exactamente o que Rob Spence vê com o outro olho e envia os dados através de um dispositivo wi-fi incorporado, tudo isto num aparelho do tamanho de um olho normal.


Bugs: Facebook paga milhares em recompensas

Agosto 30, 2011

sattotal

O Facebook criou um programa de recompensas para quem ajudar a encontrar bugs de segurança e proteger esta rede social contra ataques. Só nos primeiros 21 dias do programa, a rede social já gastou cerca de 28 mil euros em recompensas, noticia a BBC.

Um investigador de segurança recebeu mais de quatro mil euros, tendo ajudado a descobrir seis erros graves do Facebook.

Joe Sullivan, funcionário chefe de segurança do Facebook, revelou num post, no seu blog, que o programa tinha tornado o Facebook mais seguro, mas tentou também sossegar os utilizadores da rede social, garantindo que a empresa tinha equipas preparadas para fazer frente a ataques e bugs.

Graham Cluley, consultor de tecnologia sénior da «Sophos», revelou que o Facebook diz que tem «mais de um milhão de investigadores na plataforma Facebook», e que, por isso, «é surpreendente que o serviço esteja repleto de aplicações desonestas e fraudes virais».

Bugs: Facebook paga milhares em recompensas

Agosto 30, 2011

sattotal

O Facebook criou um programa de recompensas para quem ajudar a encontrar bugs de segurança e proteger esta rede social contra ataques. Só nos primeiros 21 dias do programa, a rede social já gastou cerca de 28 mil euros em recompensas, noticia a BBC.

Um investigador de segurança recebeu mais de quatro mil euros, tendo ajudado a descobrir seis erros graves do Facebook.

Joe Sullivan, funcionário chefe de segurança do Facebook, revelou num post, no seu blog, que o programa tinha tornado o Facebook mais seguro, mas tentou também sossegar os utilizadores da rede social, garantindo que a empresa tinha equipas preparadas para fazer frente a ataques e bugs.

Graham Cluley, consultor de tecnologia sénior da «Sophos», revelou que o Facebook diz que tem «mais de um milhão de investigadores na plataforma Facebook», e que, por isso, «é surpreendente que o serviço esteja repleto de aplicações desonestas e fraudes virais».

Pág. 1/73

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2008
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D