Cientistas de todo o mundo apresentaram as quatro novas descobertas sobre o Universo, no último congresso da Sociedade Astronómica Americana, realizado em Austin, nos Estados Unidos.

Entre as novas descobertas está a verdadeira cor da Via Láctea, exoplanetas, um observatório voador e a matéria escura da atmosfera, noticia a BBC.

Para os investigadores está a iniciar-se uma nova era relativamente ao conhecimento de outros planetas, apesar de não se conhecer vida fora da Terra.

«O telescópio Kepler e as microlentes gravitacionais estão a abrir uma espécie de nova era para a descoberta dos planetas», diz James Palmer, especialista em ciência da BBC.
publicado por sattotal às 11:07 | link do post
tags:
A sonda russa Phobos-Grunt, lançada em Novembro para uma viagem até uma lua de Marte, vai cair na Terra no próximo domingo.

Segundo os cálculos da agência espacial russa, a sonda vai despenhar-se no Atlântico Sul, cerca de 1200 quilómetros ao largo da capital argentina, Buenos Aires.

Os peritos dizem que 99,9 por cento das 15 toneladas da nave espacial serão destruídos pelo atrito da reentrada na atmosfera, não havendo praticamente perigo nenhum de provocar danos na superfície terrestre.

A sonda era a primeira missão interplanetária russa em mais de 20 anos. Deveria aterrar na superfície de Fobos, um dos satélites naturais de Marte, mas falhou a rota pouco depois do lançamento, há cerca de dois meses.

 

Sonda russa per Marte in avaria cadrà sulla Terra nei primi 15 giorni di gennaio.

Phobos-Grunt si distruggerà in gran parte nel rientro in atmosfera, ma 200 kg colpiranno la superficie terrestre.
publicado por sattotal às 12:32 | link do post
tags:
A sonda russa Phobos-Grunt, lançada em Novembro para uma viagem até uma lua de Marte, vai cair na Terra no próximo domingo.

Segundo os cálculos da agência espacial russa, a sonda vai despenhar-se no Atlântico Sul, cerca de 1200 quilómetros ao largo da capital argentina, Buenos Aires.

Os peritos dizem que 99,9 por cento das 15 toneladas da nave espacial serão destruídos pelo atrito da reentrada na atmosfera, não havendo praticamente perigo nenhum de provocar danos na superfície terrestre.

A sonda era a primeira missão interplanetária russa em mais de 20 anos. Deveria aterrar na superfície de Fobos, um dos satélites naturais de Marte, mas falhou a rota pouco depois do lançamento, há cerca de dois meses.

 

Sonda russa per Marte in avaria cadrà sulla Terra nei primi 15 giorni di gennaio.

Phobos-Grunt si distruggerà in gran parte nel rientro in atmosfera, ma 200 kg colpiranno la superficie terrestre.
publicado por sattotal às 12:32 | link do post
tags:
Os Açores vão integrar a Rede Internacional de Radares para o Estudo da Atmosfera Superior da Terra, que arrancou em 1993 e já possui mais de duas dezenas de radares em várias partes do globo.

A informação foi hoje avançada à Lusa por fonte do Governo Regional.

A «Super Dual Auroral Radar Network (Superdarn Projet)», na designação em inglês, destina-se à monitorização das regiões polares da Terra, medindo a posição e a velocidade das partículas existentes na ionosfera, que se situa entre os 60 e os 1.000 quilómetros de altitude.

Para analisar a participação dos Açores neste projecto internacional, que deverá envolver a instalação no arquipélago de um ou dois radares, dois dos principais coordenadores da iniciativa, Simon Shepard e Mike Ruohoniemi, deslocam-se na quarta-feira a Ponta Delgada para uma reunião com membros do executivo regional.

Este projecto internacional envolve cientistas de vários países do mundo, nomeadamente dos EUA, Inglaterra, Japão, Nova Zelândia e Austrália.

A rede de radares está espalhada pelos hemisférios norte e sul e inclui, entre outras, localizações no Alasca, Canadá, EUA, Islândia, Japão, Austrália, Nova Zelândia e na Antárctida.
publicado por sattotal às 11:48 | link do post
tags:
Os Açores vão integrar a Rede Internacional de Radares para o Estudo da Atmosfera Superior da Terra, que arrancou em 1993 e já possui mais de duas dezenas de radares em várias partes do globo.

A informação foi hoje avançada à Lusa por fonte do Governo Regional.

A «Super Dual Auroral Radar Network (Superdarn Projet)», na designação em inglês, destina-se à monitorização das regiões polares da Terra, medindo a posição e a velocidade das partículas existentes na ionosfera, que se situa entre os 60 e os 1.000 quilómetros de altitude.

Para analisar a participação dos Açores neste projecto internacional, que deverá envolver a instalação no arquipélago de um ou dois radares, dois dos principais coordenadores da iniciativa, Simon Shepard e Mike Ruohoniemi, deslocam-se na quarta-feira a Ponta Delgada para uma reunião com membros do executivo regional.

Este projecto internacional envolve cientistas de vários países do mundo, nomeadamente dos EUA, Inglaterra, Japão, Nova Zelândia e Austrália.

A rede de radares está espalhada pelos hemisférios norte e sul e inclui, entre outras, localizações no Alasca, Canadá, EUA, Islândia, Japão, Austrália, Nova Zelândia e na Antárctida.
publicado por sattotal às 11:48 | link do post
tags:
Fragmentos da sonda interplanetária Phobos-Grunt deverão cair na Terra na entre os dias 10 e 21 deste mês, anunciou a Agência Espacial da Rússia (Roscosmos), a partir de cálculos preliminares.

Na véspera, um porta-voz das Tropas Espaciais da Rússia tinha apontado 15 de janeiro como a data mais provável.

«A região da queda pode ser definida, hoje, como uma faixa de superfície terrestre entre 51,4 graus de latitude sul e 51,4 graus de latitude norte. A área mais exata poderá ser estabelecida só no dia da queda», de acordo com um comunicado oficial.

publicado por sattotal às 11:34 | link do post
tags:
Fragmentos da sonda interplanetária Phobos-Grunt deverão cair na Terra na entre os dias 10 e 21 deste mês, anunciou a Agência Espacial da Rússia (Roscosmos), a partir de cálculos preliminares.

Na véspera, um porta-voz das Tropas Espaciais da Rússia tinha apontado 15 de janeiro como a data mais provável.

«A região da queda pode ser definida, hoje, como uma faixa de superfície terrestre entre 51,4 graus de latitude sul e 51,4 graus de latitude norte. A área mais exata poderá ser estabelecida só no dia da queda», de acordo com um comunicado oficial.

publicado por sattotal às 11:34 | link do post
tags:
Um objecto voador não identificado (OVNI) foi avistado na cidade russa de Trekhgorny, perto da fronteira com o cazaquistão, a 23 de Dezembro, e a sua trajectória foi registada por alguns habitantes e os vídeos já circulam na Internet.

 
Segundo o jornal «The Huffington Post», o OVNI tinha uma espécie de nuvem à sua volta o que leva a acreditar não se tratar de um avião convencional.

 
Alguns observadores acreditam, no entanto, que o objecto pode estar relacionado com o lançamento falhado do satélite «Meridian».

 
Já não é a primeira vez que são avistados objectos voadores não identificados naquela região.

publicado por sattotal às 10:18 | link do post
tags: ,
Um objecto voador não identificado (OVNI) foi avistado na cidade russa de Trekhgorny, perto da fronteira com o cazaquistão, a 23 de Dezembro, e a sua trajectória foi registada por alguns habitantes e os vídeos já circulam na Internet.

 
Segundo o jornal «The Huffington Post», o OVNI tinha uma espécie de nuvem à sua volta o que leva a acreditar não se tratar de um avião convencional.

 
Alguns observadores acreditam, no entanto, que o objecto pode estar relacionado com o lançamento falhado do satélite «Meridian».

 
Já não é a primeira vez que são avistados objectos voadores não identificados naquela região.

publicado por sattotal às 10:18 | link do post
tags: ,
Artist concept of the Dragon crew capsule. Credit: NASA/SpaceX
ATV-2 Johannes Keppler Docks to ISS - Feb 24,2011





ESA's Automated Transfer Vehicle (ATV) 002 Johannes Kepler docked with the International Space Station today at 16:59 CET. ATV-2 was launched on 16 February at 22:50 CET by an Ariane 5 from Europe's Spaceport in French Guiana on an Ariane 5 rocket. The spacecraft is on a mission to supply the International Space Station (ISS) with propellant, water, air, and dry cargo.

Mais em - Space Station

BLOG ATV
publicado por sattotal às 20:10 | link do post
tags:
Artist concept of the Dragon crew capsule. Credit: NASA/SpaceX
ATV-2 Johannes Keppler Docks to ISS - Feb 24,2011





ESA's Automated Transfer Vehicle (ATV) 002 Johannes Kepler docked with the International Space Station today at 16:59 CET. ATV-2 was launched on 16 February at 22:50 CET by an Ariane 5 from Europe's Spaceport in French Guiana on an Ariane 5 rocket. The spacecraft is on a mission to supply the International Space Station (ISS) with propellant, water, air, and dry cargo.

Mais em - Space Station

BLOG ATV
publicado por sattotal às 20:10 | link do post
tags:

Hoje, terça-feira, teremos mais uma passagem visível da sonda Phobos-Grunt sobre o Sul, Sudeste e Nordeste do Brasil. O mapa abaixo mostra o trajeto que a nave fará sobre o continente.


 
Para os moradores de São Paulo e região, a sonda aparecerá no horizonte sudoeste às 20h35. Às 20h38 atingirá elevação de 10 graus e já poderá ser vista na escuridão, inicialmente como um pontinho de luz semelhante a uma estrela se movimentando no céu.

Às 20h40 a Phobos-Grunt atingirá o maior brilho e também a máxima elevação no céu, prevista em 70 graus acima do horizonte. Em seguida seu brilho enfraquecerá rapidamente até se extinguir.

Se o tempo colaborar, que tal tentar filmar ou fotografar a passagem da Phobos-Grunt?

Para rastrear a Phobos-Grunt e saber como como observar a nave russa, acesse o SatView. Clique aqui

Link desta Matéria:- APOLO 11
Imagens - Google
publicado por sattotal às 18:52 | link do post
tags:

Hoje, terça-feira, teremos mais uma passagem visível da sonda Phobos-Grunt sobre o Sul, Sudeste e Nordeste do Brasil. O mapa abaixo mostra o trajeto que a nave fará sobre o continente.


 
Para os moradores de São Paulo e região, a sonda aparecerá no horizonte sudoeste às 20h35. Às 20h38 atingirá elevação de 10 graus e já poderá ser vista na escuridão, inicialmente como um pontinho de luz semelhante a uma estrela se movimentando no céu.

Às 20h40 a Phobos-Grunt atingirá o maior brilho e também a máxima elevação no céu, prevista em 70 graus acima do horizonte. Em seguida seu brilho enfraquecerá rapidamente até se extinguir.

Se o tempo colaborar, que tal tentar filmar ou fotografar a passagem da Phobos-Grunt?

Para rastrear a Phobos-Grunt e saber como como observar a nave russa, acesse o SatView. Clique aqui

Link desta Matéria:- APOLO 11
Imagens - Google
publicado por sattotal às 18:52 | link do post
tags:
O retorno do buraco negro
Uma equipe de investigadores do Centro de Astrofísica da Universidade do Porto, em Portugal, detectou um tipo raro de galáxias ativas (AGNs), simultaneamente com características de AGNs jovens e de antigas.
Acredita-se que esta aparente discrepância seja devida a uma espécie de "religação" da atividade do buraco negro central.
A descoberta ocorreu por acaso quando a equipe, composta essencialmente por astrônomas portuguesas, partiu de um catálogo de mais de 13 mil enxames de galáxias na banda de rádio, à procura de uma conexão entre as galáxias ativas e os respectivos enxames de galáxias.
"O nosso projeto inicial era estudar radiogaláxias em enxames. Por sorte, encontramos oito fontes de rádio com estruturas extensas (com jatos e lóbulos visíveis na banda rádio) que não apareciam na banda do visível, o que estranhamos," explica a coordenadora do estudo, Mercedes Filho. "Decidimos por isso alargar o projeto inicial e seguir o rastro dessas estranhas radiogaláxias."
Espectros
Para obter mais detalhes sobre as galáxias, estes oito objetos foram observados na banda do infravermelho pelo observatório VLT, do ESO.
Isto permitiu à equipe detectar as "galáxias-mãe", isto é, as galáxias que deram origem às extensas estruturas observadas na faixa de rádio.
Ao comparar os espectros destes objetos com modelos conhecidos de galáxias, a equipe concluiu que se trata de objetos muito raros - galáxias com características tanto de AGNs ativas (ainda emitindo jatos de matéria) como de AGNs inativas (onde essa emissão já terminou).
Esta aparente discrepância pode ser explicada, segundo as astrônomas, com uma "reativação relativa e recente da AGN", devido a uma maior disponibilidade de material para alimentar o buraco negro central.
Em geral, quando um buraco negro está ativo, ele produz um jato ao longo do eixo de rotação da galáxia. Este jato pode viajar grandes distâncias, produzindo lóbulos visíveis na banda de rádio.
Quando o buraco negro não está ativo, o jato cessa, mas os lóbulos podem persistir durante muito tempo.
Energia nova
No caso dos buracos negros "renascidos", a emissão original teria sido interrompida em algum ponto no passado, e o material emitido foi-se dissipando, dando origem aos lóbulos que emitem na banda de rádio.
Só que, segundo Mercedes, "os nossos objetos mostram lóbulos no rádio, sinal de um ciclo de atividade no passado, mas o espectro nos diz que o buraco negro e os jatos foram recentemente reativados."
Mais recentemente o buraco negro teria ficado com novo material à sua disposição (por exemplo, proveniente de instabilidades próprias do disco de matéria que o circunda, ou da interação com outras galáxias), dando origem à nova emissão, que começou antes dos lóbulos iniciais se desvanecerem.
A equipe vai agora efetuar novas observações, na banda dos raios gama e de rádio, procurando indícios diretos da presença de um jato jovem e do reacendimento recente do buraco negro central.
Com informações da Universidade do Porto - 13/12/2011
Bibliografia:
Optically Faint Radio Sources: Reborn AGN?
M. E. Filho, J. Brinchmann, C. Lobo, S. Antón
Astronomy & Astrophysics
December 2011
Vol.: 536, A35
DOI: 10.1051/0004-6361/201117834
A&A Volume 536, December 2011 (DOI: 10.1051/0004-6361/201117834)
publicado por sattotal às 19:02 | link do post
tags:
O retorno do buraco negro
Uma equipe de investigadores do Centro de Astrofísica da Universidade do Porto, em Portugal, detectou um tipo raro de galáxias ativas (AGNs), simultaneamente com características de AGNs jovens e de antigas.
Acredita-se que esta aparente discrepância seja devida a uma espécie de "religação" da atividade do buraco negro central.
A descoberta ocorreu por acaso quando a equipe, composta essencialmente por astrônomas portuguesas, partiu de um catálogo de mais de 13 mil enxames de galáxias na banda de rádio, à procura de uma conexão entre as galáxias ativas e os respectivos enxames de galáxias.
"O nosso projeto inicial era estudar radiogaláxias em enxames. Por sorte, encontramos oito fontes de rádio com estruturas extensas (com jatos e lóbulos visíveis na banda rádio) que não apareciam na banda do visível, o que estranhamos," explica a coordenadora do estudo, Mercedes Filho. "Decidimos por isso alargar o projeto inicial e seguir o rastro dessas estranhas radiogaláxias."
Espectros
Para obter mais detalhes sobre as galáxias, estes oito objetos foram observados na banda do infravermelho pelo observatório VLT, do ESO.
Isto permitiu à equipe detectar as "galáxias-mãe", isto é, as galáxias que deram origem às extensas estruturas observadas na faixa de rádio.
Ao comparar os espectros destes objetos com modelos conhecidos de galáxias, a equipe concluiu que se trata de objetos muito raros - galáxias com características tanto de AGNs ativas (ainda emitindo jatos de matéria) como de AGNs inativas (onde essa emissão já terminou).
Esta aparente discrepância pode ser explicada, segundo as astrônomas, com uma "reativação relativa e recente da AGN", devido a uma maior disponibilidade de material para alimentar o buraco negro central.
Em geral, quando um buraco negro está ativo, ele produz um jato ao longo do eixo de rotação da galáxia. Este jato pode viajar grandes distâncias, produzindo lóbulos visíveis na banda de rádio.
Quando o buraco negro não está ativo, o jato cessa, mas os lóbulos podem persistir durante muito tempo.
Energia nova
No caso dos buracos negros "renascidos", a emissão original teria sido interrompida em algum ponto no passado, e o material emitido foi-se dissipando, dando origem aos lóbulos que emitem na banda de rádio.
Só que, segundo Mercedes, "os nossos objetos mostram lóbulos no rádio, sinal de um ciclo de atividade no passado, mas o espectro nos diz que o buraco negro e os jatos foram recentemente reativados."
Mais recentemente o buraco negro teria ficado com novo material à sua disposição (por exemplo, proveniente de instabilidades próprias do disco de matéria que o circunda, ou da interação com outras galáxias), dando origem à nova emissão, que começou antes dos lóbulos iniciais se desvanecerem.
A equipe vai agora efetuar novas observações, na banda dos raios gama e de rádio, procurando indícios diretos da presença de um jato jovem e do reacendimento recente do buraco negro central.
Com informações da Universidade do Porto - 13/12/2011
Bibliografia:
Optically Faint Radio Sources: Reborn AGN?
M. E. Filho, J. Brinchmann, C. Lobo, S. Antón
Astronomy & Astrophysics
December 2011
Vol.: 536, A35
DOI: 10.1051/0004-6361/201117834
A&A Volume 536, December 2011 (DOI: 10.1051/0004-6361/201117834)
publicado por sattotal às 19:02 | link do post
tags:

A chuva de meteoros Gemínidas, a mais potente do ano, vai alcançar esta madrugada a sua máxima atividade, podendo ser avistada até sexta-feira a partir de quase todos os lugares da Terra.

A chuva de estrelas baseia-se naquilo a que vulgarmente chamamos estrelas cadentes e que são restos deixados pelos cometas na sua órbita em volta do Sol em locais que a Terra atravessa periodicamente.
Mas o espetáculo desta semana é diferente, por as partículas espaciais não serem restos de um cometa, mas de um estranho objeto rochoso designado 3200 Faetón, que liberta escombros empoeirados, as chamadas Gemínidas.

A Agência Espacial norte-americana (NASA) desafia os internautas a assistirem esta noite em direto à "chuva de estrelas" através da Internet, pela página "Up All Night with NASA".

Os especialistas da NASA responderão em direto às dúvidas dos internautas desde o Centro Marshall para Voos Espaciais a partir das 23:00 locais (04:00 em Lisboa).

A lua dificultará a observação da "chuva de estrelas", mas se o céu estiver limpo prevê-se que possam ser observadas cerca de 40 Gemínidas por hora.
publicado por sattotal às 18:55 | link do post
tags:

A chuva de meteoros Gemínidas, a mais potente do ano, vai alcançar esta madrugada a sua máxima atividade, podendo ser avistada até sexta-feira a partir de quase todos os lugares da Terra.

A chuva de estrelas baseia-se naquilo a que vulgarmente chamamos estrelas cadentes e que são restos deixados pelos cometas na sua órbita em volta do Sol em locais que a Terra atravessa periodicamente.
Mas o espetáculo desta semana é diferente, por as partículas espaciais não serem restos de um cometa, mas de um estranho objeto rochoso designado 3200 Faetón, que liberta escombros empoeirados, as chamadas Gemínidas.

A Agência Espacial norte-americana (NASA) desafia os internautas a assistirem esta noite em direto à "chuva de estrelas" através da Internet, pela página "Up All Night with NASA".

Os especialistas da NASA responderão em direto às dúvidas dos internautas desde o Centro Marshall para Voos Espaciais a partir das 23:00 locais (04:00 em Lisboa).

A lua dificultará a observação da "chuva de estrelas", mas se o céu estiver limpo prevê-se que possam ser observadas cerca de 40 Gemínidas por hora.
publicado por sattotal às 18:55 | link do post
tags:
Você acredita em vida em outros planetas? Em alienígenas? Ou só gosta de Jornada nas Estrelas? Bom, o caso é que câmeras de 2 satélites da NASA, chamados de STEREO A e B (Observatórios de Relações Terrestres Solares), capturaram um vídeo em que um OVNI, ou seja, um objeto voador não-identificado, aparece perto do planeta Mercúrio.

O vídeo mostra uma ejeção de massa coronal do Sol – explosões de campos de ventos solares, magnéticos e radioativos do astro. Quando as grandes ondas de plasma atingem Mercúrio, o objeto se torna visível, como se um radar passasse por ali e achasse um submarino, por exemplo. Ao que parece, é algo angular e que tem duas partes unidas pelo meio, segundo o site Life's Little Mysteries.

Mas, o que é a imagem? Esta é a resposta que cientistas e ufólogos querem encontrar. Pode ser o caso de uma imagem fantasma do próprio planeta Mercúrio. Porém, a resposta vem do engenheiro e líder do sistema no Laboratório de Pesquisa Naval dos EUA, Nathan Rich: "Os artefatos estavam em segundo plano, onde o planeta estava no dia anterior". Convenhamos que a explicação faz mais sentido do que uma nave alien.

Os satélites foram lançados no dia 26 de outubro de 2006 e ficam por lá, rodando em volta do Sol e estudando sua superfície e atividades. O usuário do Youtube "siniXster" foi quem descobriu as imagens. Ao que parece, o vídeo foi capturado no dia 1º de dezembro deste ano, com 24 horas de duração.

OVNI de verdade ou apenas imagem fantasma? Tire suas próprias conclusões e compartilhe com a gente aí nos comentários. O vídeo está aí embaixo (para os que não tiverem paciência, a "ação" começa aos 30 segundos), ou se preferir, clique aqui e veja em câmera lenta:

publicado por sattotal às 14:17 | link do post
tags:
Você acredita em vida em outros planetas? Em alienígenas? Ou só gosta de Jornada nas Estrelas? Bom, o caso é que câmeras de 2 satélites da NASA, chamados de STEREO A e B (Observatórios de Relações Terrestres Solares), capturaram um vídeo em que um OVNI, ou seja, um objeto voador não-identificado, aparece perto do planeta Mercúrio.

O vídeo mostra uma ejeção de massa coronal do Sol – explosões de campos de ventos solares, magnéticos e radioativos do astro. Quando as grandes ondas de plasma atingem Mercúrio, o objeto se torna visível, como se um radar passasse por ali e achasse um submarino, por exemplo. Ao que parece, é algo angular e que tem duas partes unidas pelo meio, segundo o site Life's Little Mysteries.

Mas, o que é a imagem? Esta é a resposta que cientistas e ufólogos querem encontrar. Pode ser o caso de uma imagem fantasma do próprio planeta Mercúrio. Porém, a resposta vem do engenheiro e líder do sistema no Laboratório de Pesquisa Naval dos EUA, Nathan Rich: "Os artefatos estavam em segundo plano, onde o planeta estava no dia anterior". Convenhamos que a explicação faz mais sentido do que uma nave alien.

Os satélites foram lançados no dia 26 de outubro de 2006 e ficam por lá, rodando em volta do Sol e estudando sua superfície e atividades. O usuário do Youtube "siniXster" foi quem descobriu as imagens. Ao que parece, o vídeo foi capturado no dia 1º de dezembro deste ano, com 24 horas de duração.

OVNI de verdade ou apenas imagem fantasma? Tire suas próprias conclusões e compartilhe com a gente aí nos comentários. O vídeo está aí embaixo (para os que não tiverem paciência, a "ação" começa aos 30 segundos), ou se preferir, clique aqui e veja em câmera lenta:

publicado por sattotal às 14:17 | link do post
tags:
Investigadores das Universidades de Manchester, no Reino Unido, e Ohio, nos EUA, fizeram um estudo sobre a Via Láctea e descobriram que existem planetas maiores do que a Terra que podem ser compostos por 50 por cento de diamantes.

Em Agosto, uma outra equipa descobriu um destes astros diamantes a 4 500 anos luz da Terra, com apenas 60 mil quilómetros de diâmetro, noticia o «El Mundo».

«É difícil saber quantos são, mas pensamos que representam uma percentagem de todos os planetas terrestres que existem», diz Wendy Panero da Universidade de Ohio.

Os investigadores chegaram a esta conclusão através de uma experiência realizada num laboratório da Universidade de Ohio, onde fizeram uma reconstituição das temperaturas e pressões que estão debaixo da crosta da Terra, para determinar a formação das pedras preciosas e entender o que acontece com o carbono nos outros planetas do Sistema Solar.
publicado por sattotal às 13:19 | link do post
tags:
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Março 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
comentários recentes
MUSA, DIVA, SEREIA LINDA E DELICIOSA QUE AMAREI ET...
Sereia linda e deliciosa Ana Hickmann, te amo
Deusa linda que amo demais Ana Hickmann
Te amarei enternamente Ana Hickmann
Diva, musa, sereia linda Ana Hickmann, te amo dema...
Está fixe :-)
Faltou indicar os créditos desse artigo. A fonte o...
Excelente artigo, gostei da abordagem. Visite o me...
Em que decodificador?
Porque está emissora só tem programa de merda não ...
subscrever feeds
SAPO Blogs