Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

LIVE TV

LIVE TV

Terremoto 6.2 graus no Chile - 23-01-2012

Janeiro 23, 2012

sattotal

terremotos recentes
De acordo com os últimos 33 registros sísmicos reportados nas últimas 48 horas, o evento de maior intensidade ocorreu ao largo de Bio-Bio, no Chile, às 16:04 UTC do dia 23/01. O evento foi localizado a 29 km e de profundidade e segundo o USGS, Instituto de Pesquisas geológicas dos EUA, a magnitude do tremor foi calculada em 6.2 graus. Do total de eventos, 28 deles foram classificados como de intensidade leve e 3 atingiram o status de moderados. 2 tremores foram classificados entre forte e muito forte.

Prof = Profundidade em km
Tons de TNT = Quantidade de energia liberada equivalente em toneladas de TNT
BA = Quantidade de bombas atômicas equivalentes à de Hiroshima, de 20 Ktons de TNT


;="" style="margin-left: 5px;">

23/0117:224.9LEVEAo largo de Bio-Bio, Chile 283300
23/0116:046.2FORTEAo largo de Bio-Bio, Chile 29299251.5

Terremoto 6.2 graus no Chile - 23-01-2012

Janeiro 23, 2012

sattotal

terremotos recentes
De acordo com os últimos 33 registros sísmicos reportados nas últimas 48 horas, o evento de maior intensidade ocorreu ao largo de Bio-Bio, no Chile, às 16:04 UTC do dia 23/01. O evento foi localizado a 29 km e de profundidade e segundo o USGS, Instituto de Pesquisas geológicas dos EUA, a magnitude do tremor foi calculada em 6.2 graus. Do total de eventos, 28 deles foram classificados como de intensidade leve e 3 atingiram o status de moderados. 2 tremores foram classificados entre forte e muito forte.

Prof = Profundidade em km
Tons de TNT = Quantidade de energia liberada equivalente em toneladas de TNT
BA = Quantidade de bombas atômicas equivalentes à de Hiroshima, de 20 Ktons de TNT


;="" style="margin-left: 5px;">

23/0117:224.9LEVEAo largo de Bio-Bio, Chile 283300
23/0116:046.2FORTEAo largo de Bio-Bio, Chile 29299251.5

Furacão Irene provoca mortes nos EUA

Agosto 28, 2011

sattotal


O furacão já atingiu três estados do país e provocou inundações em várias cidades.


Furacão "Irene" perde força ao chegar a Nova Iorque

O furacão “Irene”, que provocou já 11 mortos nos Estados Unidos, perdeu força e passou a tempestade tropical à chegada à cidade de Nova Iorque.

Neste momento, a principal preocupação na zona central de Nova Iorque é a subida do nível da água, devido à chuva que cai intensamente e também à subida da maré.

Algumas zonas de Manhattan correm o risco de ficarem inundadas, uma situação recorrente quando há mau tempo.

Há também notícia de estradas cortadas pela água e por algumas árvores que não resistiram à força do vento e caíram.

Em algumas partes, sobretudo na periferia de Nova Iorque, as inundações provocaram o corte do abastecimento de energia eléctrica.

A tempestade está nesta altura a atravessar a cidade, cujas ruas estão praticamente desertas. Ouvem-se sirenes, um ruído típico de Nova Iorque e as ruas estão desertas, com as pessoas a não arriscarem sair à rua.

Carros da polícia patrulham lentamente algumas das principais artérias que estão a ser fustigadas por fortes rajadas de vento e por uma chuva que cai de forma ininterrupta há várias horas.

Em algumas zonas o vento destruiu os toldos das lojas e deitou por terra as caixas de venda de jornais, embora, por enquanto, pareça não haver estragos de maior a registar.

A situação deverá acalmar da parte da tarde e as previsões apontam para uma segunda-feira de Sol.

Furacão Irene provoca mortes nos EUA

Agosto 28, 2011

sattotal


O furacão já atingiu três estados do país e provocou inundações em várias cidades.


Furacão "Irene" perde força ao chegar a Nova Iorque

O furacão “Irene”, que provocou já 11 mortos nos Estados Unidos, perdeu força e passou a tempestade tropical à chegada à cidade de Nova Iorque.

Neste momento, a principal preocupação na zona central de Nova Iorque é a subida do nível da água, devido à chuva que cai intensamente e também à subida da maré.

Algumas zonas de Manhattan correm o risco de ficarem inundadas, uma situação recorrente quando há mau tempo.

Há também notícia de estradas cortadas pela água e por algumas árvores que não resistiram à força do vento e caíram.

Em algumas partes, sobretudo na periferia de Nova Iorque, as inundações provocaram o corte do abastecimento de energia eléctrica.

A tempestade está nesta altura a atravessar a cidade, cujas ruas estão praticamente desertas. Ouvem-se sirenes, um ruído típico de Nova Iorque e as ruas estão desertas, com as pessoas a não arriscarem sair à rua.

Carros da polícia patrulham lentamente algumas das principais artérias que estão a ser fustigadas por fortes rajadas de vento e por uma chuva que cai de forma ininterrupta há várias horas.

Em algumas zonas o vento destruiu os toldos das lojas e deitou por terra as caixas de venda de jornais, embora, por enquanto, pareça não haver estragos de maior a registar.

A situação deverá acalmar da parte da tarde e as previsões apontam para uma segunda-feira de Sol.

Veja Imagens dos Incêndios e Inundações no Estados Unidos

Junho 20, 2011

sattotal

Ventos levam incêndio florestal do Arizona para mais dois Estados americanos

O incêndio florestal que dura duas semanas no Arizona já destruiu 200 mil hectares de mata no Estado. Os bombeiros só conseguiram controlar 40% do fogo. Ventos de 97 km/ h espalharam as chamas e o incêndio já atinge o Novo México e o Texas. Milhares de pessoas deixaram suas casas.


Fortes tempestades alagam o centro-oeste dos Estados Unidos

Os Estados de Indiana, Nebrasca e Missouri estão debaixo d'água devido às fortes chuvas. Na cidade de Indianápolis, a chuva de granizo inundou bairros, paralisou o trânsito e 9.000 casas ficaram sem energia.Em Nebrasca, a empresa responsável pela energia do Estado foi inundada.

Veja Imagens dos Incêndios e Inundações no Estados Unidos

Junho 20, 2011

sattotal

Ventos levam incêndio florestal do Arizona para mais dois Estados americanos

O incêndio florestal que dura duas semanas no Arizona já destruiu 200 mil hectares de mata no Estado. Os bombeiros só conseguiram controlar 40% do fogo. Ventos de 97 km/ h espalharam as chamas e o incêndio já atinge o Novo México e o Texas. Milhares de pessoas deixaram suas casas.


Fortes tempestades alagam o centro-oeste dos Estados Unidos

Os Estados de Indiana, Nebrasca e Missouri estão debaixo d'água devido às fortes chuvas. Na cidade de Indianápolis, a chuva de granizo inundou bairros, paralisou o trânsito e 9.000 casas ficaram sem energia.Em Nebrasca, a empresa responsável pela energia do Estado foi inundada.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2008
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub