Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

LIVE TV

LIVE TV

Site do Parlamento Europeu atacado por piratas

Janeiro 27, 2012

sattotal

O site do Parlamento Europeu foi atacado nesta quinta-feira por piratas informáticos que bloquearam o acesso à página durante várias horas, mesmo que não tenham conseguido bloquear todo os sistema.

A confirmação foi feita à agência Efe, pelo porta-voz do Parlamento Europeu, Jaume Duch, relata o jornal espanhol «ABC», contando que o «ataque» aconteceu por volta do meio dia.

Duch contou que houve «um excesso de acessos» de forma simultânea que deixou a página inacessível para os internautas bem como afectou o serviço interno de intranet.

O porta-voz referiu que o serviço ainda conseguiu ser mantido, mas não confirmou se o ataque informático foi cometido pelo grupo de hackers «Anonymous».

Site do Parlamento Europeu atacado por piratas

Janeiro 27, 2012

sattotal

O site do Parlamento Europeu foi atacado nesta quinta-feira por piratas informáticos que bloquearam o acesso à página durante várias horas, mesmo que não tenham conseguido bloquear todo os sistema.

A confirmação foi feita à agência Efe, pelo porta-voz do Parlamento Europeu, Jaume Duch, relata o jornal espanhol «ABC», contando que o «ataque» aconteceu por volta do meio dia.

Duch contou que houve «um excesso de acessos» de forma simultânea que deixou a página inacessível para os internautas bem como afectou o serviço interno de intranet.

O porta-voz referiu que o serviço ainda conseguiu ser mantido, mas não confirmou se o ataque informático foi cometido pelo grupo de hackers «Anonymous».

Megaupload: tribunal nega fiança a Kim Dotcom

Janeiro 25, 2012

sattotal


Uma quinta pessoa foi detida no âmbito do caso Megaupload, confirmou à agência AP, uma fonte do Departamento de Justiça dos Estados Unidos, na capital, enquanto o fundador do portal viu ser-lhe negada a libertação sob fiança, noticia a Lusa.

A polícia holandesa prendeu Andrus Nomm, 32 anos, natural da Estónia e residente no seu país de origem e na Turquia, o quinto elemento a ser detido no âmbito do caso Megaupload, depois do fundador do portal, Kim Schmitz, e três funcionários do portal, na sequência de uma grande operação coordenada pelo FBI.

Entretanto, Schmitz, mais conhecido por Kim Dotcom, vai continuar detido, depois de um tribunal da Nova Zelândia lhe ter recusado o pedido de libertação sob fiança por entender que há risco «real» e «significativo» de fuga da Nova Zelândia.

Megaupload: tribunal nega fiança a Kim Dotcom

Janeiro 25, 2012

sattotal


Uma quinta pessoa foi detida no âmbito do caso Megaupload, confirmou à agência AP, uma fonte do Departamento de Justiça dos Estados Unidos, na capital, enquanto o fundador do portal viu ser-lhe negada a libertação sob fiança, noticia a Lusa.

A polícia holandesa prendeu Andrus Nomm, 32 anos, natural da Estónia e residente no seu país de origem e na Turquia, o quinto elemento a ser detido no âmbito do caso Megaupload, depois do fundador do portal, Kim Schmitz, e três funcionários do portal, na sequência de uma grande operação coordenada pelo FBI.

Entretanto, Schmitz, mais conhecido por Kim Dotcom, vai continuar detido, depois de um tribunal da Nova Zelândia lhe ter recusado o pedido de libertação sob fiança por entender que há risco «real» e «significativo» de fuga da Nova Zelândia.

«Anonymous» não vão atacar Facebook

Janeiro 25, 2012

sattotal

Um vídeo publicado no YouTube pelos «Anonymous» revelava que o próximo ataque informático seria feito ao Facebook no próximo sábado, dia 28 de Janeiro. No entanto, membros do mesmo grupo indicaram que não têm qualquer intenção de afectar aquela rede social.

No Twitter, o grupo negou o ataque: «Mais uma vez, temos de dizer que não iremos atacar o Facebook! A comunicação social mentiu outra vez».

De acordo com os «hackers», citados pelo «The Washington Post», o «anúncio» foi somente uma forma de protesto contra as políticas de privacidade daquela rede social.

«Anonymous» não vão atacar Facebook

Janeiro 25, 2012

sattotal

Um vídeo publicado no YouTube pelos «Anonymous» revelava que o próximo ataque informático seria feito ao Facebook no próximo sábado, dia 28 de Janeiro. No entanto, membros do mesmo grupo indicaram que não têm qualquer intenção de afectar aquela rede social.

No Twitter, o grupo negou o ataque: «Mais uma vez, temos de dizer que não iremos atacar o Facebook! A comunicação social mentiu outra vez».

De acordo com os «hackers», citados pelo «The Washington Post», o «anúncio» foi somente uma forma de protesto contra as políticas de privacidade daquela rede social.

Site de jornal alentejano atacado por piratas

Janeiro 22, 2012

sattotal

O site de internet do «Diário do Alentejo», de Beja, está a ser atacado por piratas informáticos, alegadamente do grupo «Anonymous», o que provoca «grandes constrangimentos» na edição «online», disse esta quarta-feira à agência Lusa o director do jornal.

«Começámos a ser repetidamente atacados na terça-feira de manhã», quando os piratas começaram a publicar no site do jornal várias mensagens, como «Sim, vocês foram hackeados», explicou Paulo Barriga.

O ataque «está a causar grandes constrangimentos» na edição «online», que o jornal não consegue actualizar e o site está parado, frisou, referindo que o «Diário do Alentejo» está à espera que os piratas se desliguem para que o sítio «possa voltar ao normal».

Durante o dia de terça-feira, o jornal tentou eliminar a conta de utilizador e a palavra-chave usada pelos piratas para aceder ao site, o que «não resultou» porque o computador usado «estava ligado em permanência».

O jornal retirou as mensagens dos piratas, que depois voltavam a publicá-las, e também tentou actualizar o site, o que não conseguiu, e, por isso, ao final do dia, desactivou-o.

Entretanto, o site foi activado e, ao início da madrugada desta quarta-feira, os piratas voltaram a atacar, substituindo fotografias da página inicial por imagens do logótipo do «Anonymous», constituído pela máscara usada no filme «V de Vingança» e a frase «We are Anonymous».

Os piratas também substituíram notícias da página inicial pela mensagem «A notícia que solicitou não se encontra na base de dados!!!» e quem acedia ao site era direccionado para uma página de um canal no Youtube para ver um vídeo de um jogo de computador.

O ataque «é uma parvoíce, não faz sentido nenhum e parece coisa de moços pequenos», disse, admitindo a hipótese de o ataque poder estar relacionado com uma notícia que o jornal publicou, na edição de 23 de Dezembro de 2011, sobre os «Anonymous» alentejanos.

Pelas imagens do logótipo dos «Anonymous» publicadas no site, são piratas do grupo, responsável por outros ataques informáticos, «mas há índicos que levam a crer que não são e que é alguém que está usar a imagem do Anonymous», disse.

Os piratas não deixaram nenhuma mensagem relacionada com as causas do grupo e, numa das mensagens, usaram o termo «hackeados», mas os membros do «Anonymous» não gostam de ser chamados de «hackers», explicou.

«Duvido muito que seja um ataque do Anonymous», porque, considerando as causas do grupo, «não faz sentido atacar o "Diário do Alentejo", a não ser que não tenham gostado da notícia» publicada pelo jornal, disse Paulo Barriga.

A notícia «não era negativa em relação ao movimento» e «acho que se trata de um hacker isolado, que utiliza as ferramentas do Anonymous para atacar o "Diário do Alentejo" e por outros motivos que não a retaliação», disse, admitindo a hipótese de o jornal apresentar queixa ao Ministério Público contra desconhecidos.

Site de jornal alentejano atacado por piratas

Janeiro 22, 2012

sattotal

O site de internet do «Diário do Alentejo», de Beja, está a ser atacado por piratas informáticos, alegadamente do grupo «Anonymous», o que provoca «grandes constrangimentos» na edição «online», disse esta quarta-feira à agência Lusa o director do jornal.

«Começámos a ser repetidamente atacados na terça-feira de manhã», quando os piratas começaram a publicar no site do jornal várias mensagens, como «Sim, vocês foram hackeados», explicou Paulo Barriga.

O ataque «está a causar grandes constrangimentos» na edição «online», que o jornal não consegue actualizar e o site está parado, frisou, referindo que o «Diário do Alentejo» está à espera que os piratas se desliguem para que o sítio «possa voltar ao normal».

Durante o dia de terça-feira, o jornal tentou eliminar a conta de utilizador e a palavra-chave usada pelos piratas para aceder ao site, o que «não resultou» porque o computador usado «estava ligado em permanência».

O jornal retirou as mensagens dos piratas, que depois voltavam a publicá-las, e também tentou actualizar o site, o que não conseguiu, e, por isso, ao final do dia, desactivou-o.

Entretanto, o site foi activado e, ao início da madrugada desta quarta-feira, os piratas voltaram a atacar, substituindo fotografias da página inicial por imagens do logótipo do «Anonymous», constituído pela máscara usada no filme «V de Vingança» e a frase «We are Anonymous».

Os piratas também substituíram notícias da página inicial pela mensagem «A notícia que solicitou não se encontra na base de dados!!!» e quem acedia ao site era direccionado para uma página de um canal no Youtube para ver um vídeo de um jogo de computador.

O ataque «é uma parvoíce, não faz sentido nenhum e parece coisa de moços pequenos», disse, admitindo a hipótese de o ataque poder estar relacionado com uma notícia que o jornal publicou, na edição de 23 de Dezembro de 2011, sobre os «Anonymous» alentejanos.

Pelas imagens do logótipo dos «Anonymous» publicadas no site, são piratas do grupo, responsável por outros ataques informáticos, «mas há índicos que levam a crer que não são e que é alguém que está usar a imagem do Anonymous», disse.

Os piratas não deixaram nenhuma mensagem relacionada com as causas do grupo e, numa das mensagens, usaram o termo «hackeados», mas os membros do «Anonymous» não gostam de ser chamados de «hackers», explicou.

«Duvido muito que seja um ataque do Anonymous», porque, considerando as causas do grupo, «não faz sentido atacar o "Diário do Alentejo", a não ser que não tenham gostado da notícia» publicada pelo jornal, disse Paulo Barriga.

A notícia «não era negativa em relação ao movimento» e «acho que se trata de um hacker isolado, que utiliza as ferramentas do Anonymous para atacar o "Diário do Alentejo" e por outros motivos que não a retaliação», disse, admitindo a hipótese de o jornal apresentar queixa ao Ministério Público contra desconhecidos.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2008
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D